Beber água acelera o metabolismo, você sabia?

17 de janeiro de 2017. Categoria(s) Sem categoria

Beber água acelera o metabolismo

Quem costuma brigar com a balança está sempre em busca de métodos para aumentar o metabolismo e facilitar a perda de peso. E segundo cientistas da Alemanha, uma resposta pode estar ainda mais perto do que se imagina. Isso porque beber água acelera o metabolismo em até 30% de acordo com o artigo publicado The Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism.

Sim, apenas o fato de beber 500 ml de água em temperatura ambiente (22ºC) ou gelada pode queimar 50 calorias diariamente – o que se você pensar a longo prazo são 2,5 kg em um ano sem esforço algum. Se você tomar todos os copos de água do dia gelados, a queima calórica pode chegar a 200 kcal por dia.

Como beber água acelera o metabolismo do corpo?

De forma simplificada, o metabolismo é a taxa em que seu corpo consegue converter carboidratos ou gordura em energia em estado de repouso. Ou seja, sem o auxílio de atividades físicas ou outras ferramentas.

O estudo alemão de 2003 mostrou que 10 minutos após ingerir a água, o metabolismo tanto de homens quanto de mulheres acelerou, chegando ao auge cerca de 30 ou 40 minutos depois. A justificativa para isso é que o simples fato de para passar a temperatura da água de 22ºC para 37ºC o corpo precisou queimar calorias. Esse processo é conhecido como termogênese.

Uma outra pesquisa conduzida por cientistas israelitas mostrou um efeito semelhante em crianças com idade entre 8 e 11 anos. Apesar de elas já terem o metabolismo mais acelerado naturalmente, a taxa metabólica ficou em média 25% maior após beber gelada. O efeito foi registrado após 24 minutos da ingestão e seguiu por mais 40 minutos.

Também foi verificado que uma leve desidratação, ou seja, a redução de 5% da água corporal, foi responsável por uma queda de 20% a 30% no capacidade do metabolismo.

No entanto…  apenas beber água não é o suficiente para emagrecer

Segundo os cientistas, beber água acelera o metabolismo, sim, mas não é o método que melhor produz esse efeito. Portanto, não deve ser encarado como solução dos problemas com a balança. A prática de atividades físicas, uma noite de sono bem dormida e a combinação de outros alimentos (como temperos com capsaicina ou óleo de coco) têm efeitos mais duradouros no organismo.

cta_rodape