Entenda a diferença entre os tipos de água

6 de setembro de 2016. Categoria(s) Sem categoria

diferença entre os tipos de água

A água é uma substância fundamental para o bom funcionamento do corpo humano e para muitos setores da indústria, como, por exemplo, a farmacêutica, têxtil, energética etc. É através dela que várias reações acontecem, além de ela ser utilizada como matéria-prima em diversos produtos. Devido à grande variedade de uso é importante saber que há  diferentes tipos de água disponíveis no mundo. E são muitos.

Mesmo com o planeta Terra sendo composto por ⅔ de água, apenas 0,6% são próprios para o consumo humano. Isso porque cerca de 97,5% da água disponível é salgada e precisa passar por um processo caro para sua dessalinização.

A água é essencial na regulação da temperatura do corpo, no transporte de substâncias entre as células e na formação de cerca de 60% do nosso corpo. Por isso é recomendado o consumo diário de água. Uma forma de saber se está bebendo a dose adequada é observar a urina, que deve ser incolor, do contrário (escura), significa que a ingestão de água é insuficiente. A água é o principal veículo que nutre as células e garante o bom funcionamento renal e intestinal.

Diferença entre os tipos de água:

Água potável

A água potável é quando ela está própria para o consumo humano. No Brasil, a água de abastecimento público, originária de poços e rios, torna-se potável depois que passa por um processo de tratamento específico (acréscimo de cloro, flúor, sulfato de alumínio etc.)  tornando-se apta ao consumo humano.

Água mineral

A água mineral é retirada de fontes hidrominerais em áreas protegidas de poluição, dependendo do local, possuem maior ou menor quantidade de minerais. Elas possuem minerais naturais e por isso têm propriedades terapêuticas. Essa água é naturalmente potável e própria para o consumo humano. Vale ressaltar que só é considerada mineral aquela água que foi devidamente analisada e classificada pelo Departamento de Produção Mineral (DNPM).

Água destilada

É a água que passa por um processo de destilação, no qual são retiradas todas as impurezas e minerais presentes nela. É uma água isenta de minerais e muito utilizada em alguns processos industriais e laboratoriais. Não é própria para o consumo humano.

Água termal

As águas termais são captadas de fontes de águas minerais naturais encontradas em temperatura mais elevadas de circulação profunda no meio ambiente e com propriedades terapêuticas, que provêm do processo permanente de dissolução das rochas. Termas diferentes com águas diferentes podem ter as mesmas aplicações terapêuticas, mas apresentam diferentes resultados.

Esta água é usada uma só vez sem adição de compostos. Pode ser utilizada de um modo passivo (relaxamento ou ingestão) ou de um modo ativo (hidroterapia).

a-diferenca-entre-agua-mineral-com-gas-natural-e-agua-com-gas-agua-mineral-santa-rita

 

As águas termais são as águas que apresentam as seguintes temperaturas na fonte:

– Fontes frias: quando a temperatura da água é inferior a 25ºC

– Fontes hipotermais: quando a sua temperatura fica compreendida entre 25ºC e 33ºC

– Fontes mesotermais: quando a sua temperatura fica compreendida entre 33ºC e 36ºC

– Fonte isotermais: quando a sua temperatura está compreendida entre 36ºC e 38ºC

– Fonte hipertermais: quando a sua temperatura é superior a 38ºC

Água salgada

97% da água encontrada no planeta é salgada – está presente nos oceanos e mares. Possui uma grande concentração de cloreto de sódio (o popular sal de cozinha) e, por isso, não é própria para o consumo humano.

Alguns países que sofrem com a falta de água potável submetem a água do mar a um processo de dessalinização, o que a torna potável.

Água mineral com gás

A água mineral com gás é a água originária de fonte natural com dióxido de carbono, ou seja, naturalmente gaseificada, tendo seu sabor mais suave do que a água gaseificada artificialmente.

Água gaseificada

É quando a água potável ou água mineral natural passa pelo processo de adição de dióxido de carbono no momento do envase.

Água adicionada de sais ou fibras

É a água captada da fonte, que  passa por processos químicos, onde recebe dosagens de sais ou fibras.

Água saborizada ou flavorizada

Água mineral acrescida de sabor de frutas, ervas ou sais, bem como conservantes e adoçantes; em geral, e com gás carbônico artificial.

Água aromatizada

É água adicionada de aroma, não é natural. Devido à adição do aroma passa a sensação de sabor.

 

Fontes pesquisadas:
http://termalismoviseu.blogspot.com.br/

– Código de Água Mineral

CTA_rotulo