top of page

5 ideias do que fazer e como manter a hidratação das crianças durante as férias escolares

Férias escolares são sinônimo de dormir até mais tarde, brincar ao ar livre e tomar banho de piscina para aproveitar os dias ensolarados. Já os pais precisam ficar atentos: o calor intenso pode aumentar os riscos de desidratação.


Neste artigo mostramos a importância deste alerta, os riscos associados à desidratação e o que fazer para manter os pequenos hidratados durante as viagens e férias escolares.


Por que a hidratação é fundamental para o bem-estar das crianças

A água é essencial para manter o organismo funcionando bem. É ela que controla a temperatura corporal, facilita a digestão, transporta nutrientes, contribui para a saúde da pele, melhora o foco e a concentração e fortalece o sistema imunológico. Por isso, a hidratação adequada é tão necessária. Ela desempenha um papel essencial para que esse processo possa acontecer em sua plenitude. Para uma criança, cujos corpos estão em crescimento e desenvolvimento, mais ainda.


A desidratação, por sua vez, pode levar a uma série de problemas de saúde, desde dores de cabeça e tonturas até complicações mais sérias, como insuficiência renal. Os sintomas incluem boca seca, urina escura, fraqueza e irritabilidade. Manter-se alerta para esses sinais é crucial para intervir antes que a desidratação se agrave.


5 dicas para manter as crianças hidratadas durante as férias escolares

Manter as crianças hidratadas durante as férias escolares não é tarefa fácil, mas também não é impossível. Diversas estratégias podem ser adotadas para isso. Veja 5 delas:


1. Crie rotinas de hidratação

Criar rotinas de hidratação durante as férias escolares pode fazer toda a diferença para uma criança - inclusive, para o resto da vida. E isso pode ser feito de várias formas. Um exemplo é estabelecer horários regulares para beber água, como logo após acordar, durante as brincadeiras e antes de dormir. Outra maneira é criar uma espécie de brincadeira de recompensas, como pequenas premiações ou uma pontuação a cada garrafinha terminada, por exemplo.


2. Certifique-se de que as crianças tenham fácil acesso à água

É imprescindível que os pais criem um ambiente propício para garantir que suas crianças tenham fácil acesso à água e desenvolvam hábitos para se hidratarem. Para isso, procure manter sempre uma jarra de água em locais estratégicos, como em cima da mesa ou dentro da geladeira. Também deixe garrafinhas reutilizáveis espalhadas pela casa para que as crianças possam pegá-las e carregá-las.


3. Ofereça lanches que sejam hidratantes

Oferecer lanches hidratantes e alimentos ricos em águas é uma maneira saborosa e saudável de garantir que as crianças permaneçam bem-hidratadas em dias quentes de verão durante as férias escolares. Um exemplo disso são frutas frescas (como melancia, maçã, morango, melão e abacaxi) e vegetais (como pepinos e aipo).


4. Dê o bom exemplo

Dar o bom exemplo é uma maneira eficaz de incentivar as crianças a adotarem hábitos saudáveis. Por isso, procure beber água várias vezes e de forma regular ao longo do dia, especialmente na frente delas. Mostre que a hidratação é uma parte natural da rotina diária.


5. Ensine as crianças a entender os sinais do corpo

Quando se trata de incentivar a hidratação nas crianças, é essencial ensiná-las a reconhecer os sinais de desidratação. Alguns indicadores importantes incluem boca seca, urina mais escura e a sensação de sede. Ao compreenderem esses sinais, as crianças estarão mais preparadas para responder prontamente às necessidades de hidratação do corpo. Eduque desde cedo e transforme o reconhecimento dos sinais em um hábito saudável.


Gostou? Compartilhe o conteúdo para que mais pessoas tenham acesso a ele durante as férias escolares. Aproveite também para visitar a loja virtual da Água Santa Rita!


cupom de desconto na primeira compra

41 visualizações0 comentário
bottom of page