Corrida para iniciantes: 7 dicas para começar a correr

Atualizado: Jul 12

A corrida é um esporte que desperta interesse em muitas pessoas! No entanto, a corrida para iniciantes pode ter lá suas particularidades.


Isso porque embora a corrida pareça exigir apenas um par de tênis, alguns cuidados podem ser fundamentais, especialmente para iniciantes.


O esporte, que a cada ano ganha mais adeptos no Brasil, ganhou ainda mais popularidade com a pandemia, pois permite que seja realizado ao ar livre e ainda favorece a liberação de hormônios que provocam uma sensação de bem-estar, tornando-se um grande aliado no combate da depressão.


Confira neste blog todos 7 dicas que você precisa saber e prestar atenção para começar a correr da forma correta:


1. Check Up e condição física


Especialmente para os mais sedentários ou que já tenham problemas de saúde conhecidos, é sempre interessante realizar um check up básico antes de iniciar um novo esporte.

A corrida pode alterar a pressão arterial e elevar o metabolismo de 8 a 20 vezes. É comum para os iniciantes na corrida, que aconteçam alguns desconfortos durante as primeiras práticas, como cansaço, dores nas pernas e joelhos, câimbras, e sensação de inchaço.


Por isso, para que o corredor possa se sentir confortável durante a prática e garantir segurança durante a corrida, é importante que tenha seu check up em dia.


2. Atenção ao tipo de tênis


Você sabia que existem pelo menos 3 tipos de pisada diferentes e que, para cada uma delas, pode haver a necessidade de um calçado específico para a prática da corrida?


Existem as pisadas: pronada, supinada e neutra. O que muda entre elas é basicamente a forma como o seu pé toca o solo. Isso está relacionado à anatomia do praticante e, por isso, pode ser interessante buscar apoio de um profissional para escolher o tênis ideal.


Mas, se você não quer (ou não pode) investir em um tênis novo neste momento, use o melhor calçado que tiver, levando em consideração o conforto, sustentação do pé e seu amortecimento durante as passadas.


Leia também: Vitamina D: qual a importância para a nossa saúde?



3. Frequência da Atividade


Procure manter uma frequência para a prática da corrida. Definir datas da semana e horários específicos para a atividade pode ajudar a vencer a procrastinação e dias de maior cansaço ou desânimo.


Especialistas afirmam que para obter os benefícios de qualquer atividade física, incluindo a corrida, é necessário que a prática ocorra pelo menos 3 vezes por semana.


Manter uma periodicidade ajudará também a evoluir e performar mais rápido durante a corrida.


4. Esteira ou rua: qual a melhor escolha?


Essa questão é muito mais pessoal, dependendo do estilo de vida e hábitos do praticante.

No entanto, na corrida para iniciantes, pode ser mais interessante treinar na esteira, principalmente por ser mais seguro e por possibilitar o controle da velocidade. O que pode auxiliar para maior consciência corporal e autocontrole do corredor ao longo da prática.


Em contrapartida, segundo estudo publicado na revista científica Scientific Reports, gastar pelo menos 120 minutos por semana na natureza está associado a boa saúde e bem-estar. Por isso, para aqueles que sonham em correr uma maratona ou preferem o contato com a natureza, a corrida na rua pode ser a melhor escolha.


5. Benefícios da Corrida

Embora a corrida costume ser muito procurada com a finalidade de emagrecimento, ela trás outros inúmeros benefícios além deste. Confira alguns dos benefícios da corrida:


  • Melhora do humor

  • Aumenta a capacidade cardiorrespiratória

  • Contribui para o aumento da massa muscular

  • Auxilia no controle da pressão arterial

  • Melhora os níveis de colesterol

  • Regulação do apetite

  • Redução do estresse

  • Melhora do sono

  • Melhora de oxigenação do organismo


E muitos outros benefícios! Lembrando que alguns deles podem ser sentidos imediatamente após o início da prática, já outros serão sentidos a médio prazo (1 a 5 meses após o início da atividade.


Leia também: Benefícios da água para a saúde bucal


6. Hidratação é fundamental


Assim como em qualquer atividade física, a correta hidratação é fundamental para o seu desempenho e bem estar durante a prática da atividade.


É necessário beber antes, durante e após a corrida. Para prevenir a perda de água que ocorrerá durante a prática, para compensar essas perdas e evitar dores musculares que podem ser causadas por falta de hidratação adequada.


Confira algumas dicas para essa hidratação:

  • Consuma cerca de 100 a 150ml a cada 15 minutos de corrida

  • Evite água em temperatura muito gelada, em torno de 15º C

  • Esteja atento a sinais de desidratação como: sensação de sede, queda de desempenho, fadiga e cansaço extremos.


7. Respeite seu ritmo


Para manter a saúde e também o ânimo de continuar nesta atividade, respeitar os seus limites pode ser um dos fatores mais importantes na corrida para iniciantes.


Isso porque, a maioria das pessoas não consegue correr longos percursos já nas primeiras práticas. Uma boa dica de corrida para iniciantes é intercalar a corrida e a caminhada, procurando estabelecer metas durante o percurso para evoluir a cada atividade.


Neste caso, podem ser definidos alguns postes de distância, para aqueles que correm na rua, ou ainda alguns metros ou tempo determinado, para aqueles que correm ao ar livre com apoio de relógios marcadores ou esteiras.


Seguem aqui também duas dicas:

  • Não se compare! Cada um tem um ritmo de corrida e o mais importante é que a prática seja, acima de tudo, prazerosa.

  • Procure participar de um grupo de corrida da sua cidade, para receber o apoio técnico necessário e aprimorar o seu desempenho.


Veja os grupos de corrida apoiados pela Água Mineral Santa Rita:


Nós acreditamos no esporte e apoiamos diversos grupos de corrida grande Florianópolis. Confira:



Garanta a sua garrafinha de água para corrida e bora correr!




Posts recentes

Ver tudo