Alimentos que aumentam a imunidade

Atualizado: Jan 5

O inverno chegou e com ele chegam também os resfriados. Por isso, é importante garantir que a sua imunidade esteja em dia e você se mantenha protegido. Outro dia fizemos um post falando de dicas de saúde para o outono e o inverno. E hoje, neste post, reunimos 6 superalimentos que aumentam a imunidade e vão te ajudar a ter saúde na estação mais fria do ano. Aumente a imunidade se alimentando bem!


Confira os 6 alimentos que aumentam a imunidade:


Alho

alho

O alho é considerado um antibiótico natural porque auxilia no combate a microorganismos nocivos à saúde. Este alimento possui zinco e selênio, nutrientes importantes para evitar vários tipos de doenças, entre elas as gripes e os resfriados. Apesar do seu forte sabor e do cheiro característico que nem sempre agrada a todos, o ideal é consumi-lo cru, para preservar suas propriedades naturais e trazer maior benefício à saúde.


Gengibre

gengibre

O gengibre possui vitamina C, que auxilia na defesa do organismo. É um alimento reconhecido por seu poder anti-inflamatório e, ainda, por auxiliar na aceleração do metabolismo. Uma boa maneira de utilizar o gengibre é adicioná-lo, em rodelas,

à sua garrafinha de água ou em forma de chá (aproximadamente 2 colheres de sopa de gengibre fresco para 1 litro de água).


Cogumelos

cogumelos

Os cogumelos são importantes aliados no combate a infecções. Por serem ricos em lentinana, eles têm o poder de aumentar a atividade das células brancas, que são responsáveis pela defesa do organismo. Eles podem ser consumidos diariamente, com saladas, carnes, ou levemente refogados com legumes.


Folhas verde-escuras

folhas verdes escuras

Os vegetais de folhas verde-escuras também têm um papel importante quando o assunto é imunidade. Alimentos como a couve, o brócolis e a rúcula são fontes importantes de vitaminas, entre elas a B6 e a B12, que ajudam na resistência às infecções. O ideal é que sejam consumidos crus, em forma de salada. Caso sejam refogados ou cozidos, é importante que fiquem por pouco tempo no fogo, para que mantenham suas propriedades naturais.


Oleaginosas