Fonte de Inspiração: conheça a história de Eduardo, o Dado, do Café São Paulo

8 de março de 2018. Categoria(s) Fonte de Inspiração

Blog-Santa-Rita-café

Não foi preciso passar muitos verões em Florianópolis para decidir que aqui seria o melhor lugar para mudar de vida. Acostumado a veranear na ilha com a família, José Eduardo Carvalho, o Dado, do Café São Paulo, desembarcou em 1992 de mala e coração aberto a novas oportunidades no lugar que seria então seu novo lar: a ilha da magia.

A história por trás do café

Arquiteto formado em 1986 pelo tradicional Mackenzie, em São Paulo, Dado começou sua carreira na capital paulista. Bem-sucedido em sua área, trabalhava muito, mas o trajeto cansativo de sua casa até o trabalho, a violência urbana crescente, a paixão pela praia e as férias que passava no litoral de Santa Catarina motivaram a mudança.

O primeiro a vir para Floripa foi seu irmão. Apaixonado pela gastronomia, ele já havia montado aqui uma doceria e estava à procura de um sócio para dar continuidade ao negócio. Foi assim que começou sua trajetória no ramo alimentício e a mudança para a capital.

Sem experiência nenhuma na área, Dado e seu irmão começaram a desbravar fornecedores, testar receitas, trabalhar em feriados, finais de semana e temporada. Conforme o negócio ia crescendo, o trabalho foi aumentando.

Acostumado com os serviços das docerias paulistanas, Dado viu a oportunidade de trazer para seu negócio o café expresso de máquina, já que na ilha só haviam dois lugares que tinham esse serviço, um no Centro e outro na Lagoa da Conceição.

 

 

A ideia foi ótima, mas não havia mão de obra especializada na época, o que dificultava a manutenção das máquinas. Aos poucos, com o crescimento potencial da cidade, mais empresas foram se instalando e os negócios com o café começaram a crescer.

A doceria fechou e deu lugar ao Café São Paulo, cuja primeira loja foi aberta no Shopping Itaguaçu, em 1992.

Mais do que só um cafezinho

Atualmente, o Café São Paulo conta com 7 estabelecimentos, distribuídos entre lojas, shoppings e supermercados de Florianópolis e São José, tendo o último deles sido aberto em 2016, na Cassol Centerlar, localizada na SC-401, e operado pelo filho de Dado.

Com tantas unidades espalhadas pela Grande Florianópolis, é de se esperar que o Café São Paulo atenda a uma grande variedade de público: dos turistas aos clientes fiéis, dos que só querem uma pausa para tomar um café rápido àqueles que reservam um tempo maior para bater um papo com amigos.

Em praticamente todos os casos, porém, existe algo que une todos: a apreciação pelo autêntico café expresso. “Temos muitas opções de acompanhamentos, como os deliciosos pães de queijo, os salgados e os tradicionais doces de Pelotas, mas o café continua sendo nossa especialidade e aquilo que mais atrai as pessoas” – comenta José Eduardo.

Planos futuros do Café São Paulo

Com tantos estabelecimentos e servindo tantas pessoas diariamente, é de se esperar que o futuro seja próspero para o Café São Paulo. Nesse aspecto, Dado comentou que a administração do café como um todo se mantém aberta e atenta aos feedbacks que recebe de clientes, valorizando especialmente os contatos que tem pessoalmente, com os funcionários envolvidos no atendimento.

Inclusive, partindo dessa cultura que valoriza o constante aprimoramento daquilo que é ofertado ao público, novos projetos estão sendo formulados internamente visando uma expansão da atuação do Café São Paulo e também uma repaginação da marca, o que deve posicioná-la ainda melhor no mercado.

 

 

Café São Paulo e Água Mineral Santa Rita

Tendo mais de 25 anos de experiência de mercado, Eduardo conhece bem os hábitos do seu público e atesta a importância da água como acompanhamento de um vigoroso café expresso. “Alguns preferem tomar antes, para saborear melhor, outros depois, mas seja como for, a água está presente em praticamente todos os pedidos de café. Para nós, a água é um produto muito importante por ser de fato um item de importância gastronômica”.

Prezando pela qualidade e por um relacionamento de longa data com a empresa, todos os pontos de venda do Café São Paulo possuem Água Mineral Santa Rita. Por fim, Eduardo ressalta: “a Água Santa Rita tem sido nossa parceira fiel há muito tempo e pretendemos continuar esse trabalho”.

 

CTA_rotulo